O Porto além do porto: um guia de 3 dias pela capital nortenha

Tal como um copo de vinho do Porto só nunca chega, também uma pequena passagem pelo estilo de vida metropolitano da cidade deixar-te-á a desejar por mais. O turismo no Porto conta com colinas, edifícios de azulejos coloridos, orla histórica e vistas panorâmicas sobre o rio Douro que fazem as maravilhas dos turistas que pelo Porto passam e que todos os seus tesouros e encantos fazem questão de descobrir.

Poderias passar dias, semanas ou até meses tentando descobrir os segredos que o turismo no Porto alberga, mas se tens apenas 3 dias para explorar, há coisas que simplesmente não podes perder e a momondo tem as dicas necessárias de o que fazer no Porto para que a tua estadia seja de sonho.

Dia 1: Vinho do Porto, mariscadas e principais pontos turísticos

Antes de começares a explorar a cidade, perde uns minutos e toma o pequeno almoço na Leitaria da Quinta do Paço, uma pastelaria tradicional conhecida pelos seus éclairs artesanais e famosos doces com sabor a limão, caramelo ou Nutella ou, para corajosos, vinho do Porto, queijo azul ou maçã. Se não fores fã de doces, eles também servem sanduíches e salgados.

Os turistas param para admirar a beleza dos azulejos da estação de São Bento no Porto © suitcase_and_wanderlust

Os turistas param para admirar a beleza dos azulejos da estação de São Bento no Porto © suitcase_and_wanderlust

Com as energias carregadas, começa pela estação de São Bento, conhecida como uma das estações de comboios mais bonitas do mundo. Aqui encontras azulejos pintados à mão que retratam as batalhas mais importantes da história de Portugal, bem como a evolução dos transportes pelo país. Continua até à Catedral e depois dirige-te pelo Palácio da Bolsa até chegares ao local perfeito para apanhares sol, descansares numa esplanada e apreciares a vista do rio Douro e de Gaia, que a tão famosa zona ribeirinha do Porto oferece.

Se já recuperaste da caminhada anterior, passa a ponte D. Luís I a pé – sim, para apreciares melhor a vista – e deixa-te abraçar por Gaia. Famosa por ser a casa das caves do vinho do Porto, certamente não te faltarão sítios para fazeres degustações.

 

Com ânsia de frutos do mar? Não procures além de Matosinhos © andreafavazzidailyproject

Com ânsia de frutos do mar? Não procures além de Matosinhos © andreafavazzida

Opta por jantar em Matosinhos, onde ao longo da Rua Heróis de França encontrarás marisqueiras ao ar livre que te abrirão o apetite com o aroma salgado e esfumaçado de peixe grelhado fresco. A Esplanada Marisqueira ou A Marisqueira de Matosinhos certamente não irão dececionar.

Dia 2: Mercado do Bolhão, galerias de arte e vida noturna

Turistas e locais podem ser vistos a comprar produtos frescos no Mercado do Bolhão © Celine181

Turistas e locais podem ser vistos a comprar produtos frescos no Mercado do Bolhão © Celine181

O que fazer no Porto durante o segundo dia? Começa-o com uma visita ao Mercado do Bolhão, um mercado histórico que vende desde fruta fresca a arranjos florais, e depois passeia pela rua Santa Catarina, uma famosa rua de compras que te levará até ao Café Majestic. Um local muitas vezes frequentado por J.K. Rowling durante o tempo em que vivia no Porto. Na hora do almoço arranca para o Café Santiago para provares uma das melhores francesinhas do Porto. Daí, aconselhamos que caminhes até à Torre dos Clérigos para queimares as calorias onde, por cerca de 5€, podes comprar um bilhete que permite visitares o museu e subires até ao topo da torre, onde pode vislumbrar toda a cidade do Porto e arredores.

Quem se importa com as calorias quando as francesinhas sabem tão bem? © Café Santiago

Quem se importa com as calorias quando as francesinhas sabem tão bem? © Café Santiago

Um pouco mais à frente encontras a famosa Livraria Lello, uma das livrarias mais ornamentadas do mundo. Diz-se que os seus tetos de madeira esculpida, telhado de vitrais e escadaria vermelha opulenta serviram de inspiração para J.K. Rowling criar Hogwarts.

Os clientes pesquisam entre os livros na Livraria Lello, uma livraria neogótica no Porto © guillenperez

Os clientes pesquisam entre os livros na Livraria Lello, uma livraria neogótica no Porto © guillenperez

Ao longo da Rua Miguel Bombarda encontras dezenas de galerias de arte como a Ó! Galleria ou a Ap’arte Gallery. Para o jantar, opta por uma refeição de cinco estrelas no Euskalduna Studio e depois vai beber um copo à Casa do Livro, uma antiga livraria transformada num bar ostentoso com cocktails deliciosos, DJs ao vivo e sessões regulares de jazz, ou à Base, um bar ao ar livre no topo de um centro comercial que sem dúvidas, te dará a possibilidade de sentares e escolheres o que ver no Porto durante o terceiro dia.

Dia 3: Brunch, jardins e música

Para o teu último dia de turismo no Porto, mima-te com um brunch no Zenith Brunch & Cocktails Bar, um café moderno – ou bar, dependendo do teu desejo de pequeno almoço – que serve ovos, torradas, granola caseira e sumos naturais frescos. Depois do pequeno almoço caminha até aos Jardins do Palácio de Cristal e dá uma volta junto das rosas e pavões. Estes jardins são de entrada livre e merecem o seu tempo – nem que seja, apenas, pelas vistas panorâmicas do Porto.

Os jardins do Palácio de Cristal oferecem vistas panorâmicas sobre o rio Douro - Porto, Portugal

Os jardins do Palácio de Cristal oferecem vistas panorâmicas sobre o rio Douro – Porto, Portugal

Depois de uma caminhada de 15 minutos chegas à Casa da Música, uma sala de concertos assimétrica desenhada pelo arquiteto contemporâneo Rem Koolhaas, que é hoje um dos edifícios mais reconhecidos do Porto. Antes de abandonares este destino, não deixes de desfrutar de um almoço tardio no Capa Negra II. E assim ficas com o que fazer no Porto durante 72 horas. Serão horas com muita qualidade, vistas e experiências invulgares, as quais não podes deixar passar-te ao lado.

Encontrar voos baratos para o Porto

Não te cansas de Portugal? Aluga um carro e desce até Lisboa. Certifica-te de verificar os melhores museus da cidade enquanto lá estiveres!
Relacionado
Os 10 melhores rooftop bares em Lisboa e no Porto
— 8 mins de leitura

Os 10 melhores rooftop bares em Lisboa e no Porto